Notícias

Notícias / May 21, 2024

Hovione confirma presença no ranking dos melhores empregadores em Portugal

A Hovione é novamente a melhor no sector da Saúde e a quarta classificada no geral entre as melhores empresas para trabalhar em Portugal, de acordo com o Employer Brand Research da Randstad.

Hovione wins Randstad Award for best company to work_HR Director receiving the award on the stage

Lisboa, 21 de Maio, 2024 – A Hovione é novamente a melhor no sector da Saúde e a quarta classificada no geral entre as melhores empresas para trabalhar em Portugal, de acordo com o Employer Brand Research da Randstad. O estudo, publicado ontem, identifica os 20 melhores empregadores do país.

Esta é a nona edição anual do estudo da Ranstad, que tem por base uma amostra representativa da população ativa portuguesa. Os inquiridos avaliam as empresas de acordo com uma série de critérios, que incluem salário e benefícios, segurança no emprego, ambiente de trabalho e oportunidades de progressão na carreira.

A definição de marca empregadora pode ter um impacto significativo na capacidade de uma organização para atrair e reter os melhores talentos e, por isso, é cada vez mais uma parte importante da estratégia das empresa para enfrentar o desafio da escassez de talento.

Ilda Ventura, VP de Recursos Humanos da Hovione, explica que: "A nossa estratégia global de RH baseia-se na necessidade de atrair, reter e capacitar os elementos talentosos das nossas equipas. Assim, o nosso Employer Branding tem de refletir quem somos, de forma a que atraiamos novos talentos, mas, também, permitamos que os actuais membros da equipa prosperem. É também imporante aproveitar o impacto positivo que a Hovione tem no mundo e a forma como o nosso trabalho inovador assenta no conhecimento e na resolução de problemas por membros das nossas equipas. Continuamos a trabalhar para aperfeiçoar e melhorar o trabalho no nosso Employer Branding, que é um importante reflexo dos nossos valores e da nossa crença na melhoria contínua."

Este é o terceiro ano consecutivo em que a Hovione é classificada como a empresa mais atractiva para trabalhar no sector da Saúde e uma das cinco primeiras no geral. Este reconhecimento surge depois de a Hovione ter sido reconhecida como Top Employer em todas as suas quatro unidades globais em janeiro de 2024, tornando-se a primeira empresa a consegui-lo em Macau.
 

 

Também em Notícias

See All

Lisboa, 19 de junho de 2024  – A Hovione, empresa que presta serviços de desenvolvimento e produção à indústria farmacêutica e líder global na tecnologia de spray drying e em engenharia de partículas recebeu no seu centro de I&D, no Lumiar, Luís Pratas Guerreiro, presidente do IAPMEI, para a inauguração da nova linha de Produção em Contínuo (Continuous Tableting – CT). A Produção em Contínuo é um processo farmacêutico inovador de fabrico de comprimidos. Enquanto no processo tradicional os comprimidos são produzidos em etapas, no caso da Produção em Contínuo todos os estágios – da mistura de ingredientes à prensagem dos comprimidos – sucede num fluxo único e ininterrupto. Este método assegura a eficiência ao reduzir o tempo de produção e minimizar o desperdício. A qualidade é garantida através de monitorização e ajustes automáticos em tempo real. A nova linha de I&D é o resultado de uma parceria com a GEA, empresa líder global em tecnologia de processos para a indústria farmacêutica. A nova linha é a única no género no mundo e replica os componentes mais críticos da linha de fabrico comercial de larga escala da Hovione, a operar em Loures. O equipamento agora instalado no laboratório do Lumiar será utilizado pelos cientistas da Hovione para otimizar as condições de produção de comprimidos, tendo em vista o aumento de escala na produção de medicamentos para os seus clientes, utilizando quantidades mínimas de ingredientes farmacêuticos. "O campus do IAPMEI, no Lumiar, é a sede de várias empresas pioneiras que contribuem para o crescimento económico do país. A decisão da Hovione de instalar aqui este equipamento altamente inovador mostra que o campus é um local atrativo para empresas baseadas em I&D que desenvolvem e investem em tecnologias de ponta", diz Luís Filipe Pratas Guerreiro, presidente do IPAMEI. "Com este investimento em Portugal, a Hovione está a contribuir para estabelecer um novo padrão de excelência no fabrico de produtos farmacêuticos a nível mundial, o que está em linha com o objetivo do IAPMEI de impulsionar a inovação tecnológica e melhorar a eficiência industrial." "A Hovione foi fundada em Portugal há mais de 65 anos e, desde sempre, o nosso caminho para nos tornarmos uma empresa verdadeiramente internacional tem sido impulsionado pela ciência e inovação", diz Jean-Luc Herbeaux. "Somos reconhecidos como o líder mundial em spray drying farmacêutico e estamos a desenvolver a mesma posição de liderança na Produção em Contínuo, uma tecnologia que contribui para acelerar o lançamento de medicamentos, minimizando o consumo de ingredientes ativos dispendiosos na fase de desenvolvimento.  Optámos por instalar a esta nova linha de nas nossas instalações no campus do IAPMEI no Lumiar, que, nos últimos 12 anos, tem proporcionado um ambiente excelente e altamente motivador para os nossos mais de 200 investigadores."   Sobre a Hovione Fundada em 1959, a multinacional Hovione tem hoje laboratórios e fábricas em Portugal, na Irlanda, em Macau e nos Estados Unidos da América. A Hovione tem uma oferta integrada de productos e serviços de desenvolvimento e produção de princípio ativos e formulação para a indústria farmacêutica mundial. Com sede em Loures, a empresa emprega cerca de 2400 pessoas em todo o mundo, das quais cerca de 1700 em Portugal. A Hovione é o maior empregador privado de doutorados em Portugal - www.hovione.com      Saiba mais sobre a Produção em Contínuo (Continuous Tableting – CT) Saiba mais sobre o centro de I&D da Hovione Lumiar    

Notícias

Presidente do IAPMEI inaugura nova linha de produção em contínuo da Hovione

Jun 19, 2024

Estudo global da consultora de recrutamento Randstad analisa as perceções dos profissionais relativamente ao mercado de trabalho português aos 150 maiores empregadores nacionais. Saúde, turismo, desporto e entretenimento são os sectores que mais atraem os portugueses para trabalhar. Tecnologias surgem em quinto lugar. O que torna um empregador atrativo? Para os trabalhadores em Portugal é a garantia de que pratica uma política salarial e de benefícios justa e adequada ao contexto económico, práticas de conciliação pessoal e profissional bem definidas, bom ambiente de trabalho, programas claros de progressão e segurança laboral. É o que conclui a edição 2023 do Randstad Employer Brand Research, o estudo global anual realizado pela consultora de recrutamento para avaliar a perceção dos profissionais face ao mercado de trabalho e identificar os empregadores e sectores mais atrativos em cada país. Na edição deste ano, divulgada esta sexta-feira, a Microsoft regressa ao topo das preferências dos trabalhadores, logo seguida pela Delta Cafés e pela Hovione. Mas a análise mostra também que os empregadores nacionais estão a ter um desempenho inferior em relação a alguns dos aspetos que os trabalhadores consideram determinantes. (...) Saúde é o sector mais atrativo para os trabalhadores portugueses Além da Microsoft, Delta Cafés e Hovione, que ocupam as três primeiras posições do ranking dos empregadores mais atrativos em 2023, a lista integra ainda nas dez primeiras posições a Bosch, a OGMA, a Siemens, a CUF, a Nestlé, a Volkswagen Group Services e a Ikea Portugal. No atual contexto, nota Raul Neto, presidente executivo da Randstad Portugal, este reconhecimento das empresas “é ainda mais relevante, na medida em que lhes confere capacidade para atrair e reter os melhores talentos e contribui para se diferenciarem no mercado”.   Leia o artigo completo em SicNoticias.pt  

Artigo de Imprensa

Microsoft, Delta e Hovione são as empresas mais atrativas para trabalhar em Portugal: eis o que os trabalhadores esperam delas

May 19, 2024